sábado, 16 de maio de 2015

Trilogia do Reino: O Falso Príncipe

Nas minhas andanças na Bienal Internacional do Livro do Ceará este livro me chamou, eu vi a capa e achei super linda e o título muito enigmático. Li a sinopse e soube que precisava trazer para casa e lê-lo. Bom passou um tempinho guardado na estante, decidi que era hora de ler.

Em uma terra muito distante, a guerra civil é iminente. Para unificar o reino, um nobre chamado Conner trama um plano ousado, procurando por um garoto que se passe pelo filho desaparecido do rei e assuma o trono. Quatro órfãos são forçados a competir pelo papel, entre eles o rebelde e esperto Sage. O garoto sabe que os motivos de Conner são mais do que questionáveis e que sua vida está por um fio - se ele não for escolhido como príncipe na farsa, será morto. Seus rivais tem suas próprias táticas para vencer, e Sage não pode confiar em ninguém. Depois que Sage se muda do orfanato miserável onde vivia para o suntuoso palácio de Conner, os planos de seu novo mestre vão ficando mais e mais claros, até que finalmente a terrível verdade é revelada, provando-se muito mais perigosa do que qualquer mentira na qual ele já acreditou. 

Comecei a leitura de noite antes de dormir, li os 06 primeiros capítulos e no dia seguinte me dediquei completamente a leitura. Simplesmente amei, meu queridinho, um dos meus livros favoritos. Fazia muito tempo que um primeiro volume me encantava desse jeito.



Nenhum comentário:

Postar um comentário