domingo, 10 de agosto de 2014

O Códex dos Caçadores de Sombras

Olá pessoas leitores compulsivos, hoje venho trazer a resenha de mais um livro do universo de Cassandra Clare, o Códex de Caçadores de Sombras.

O mais antigo e famoso manual dos Nephilim, que desde o século XIII vem sendo o mais jovem amigo de todo Caçador de Sombras. O códex abrange absolutamente tudo do universo dos caçadores de sombras, então se ficou alguma dúvida sobre esse universo lendo Instrumentos Mortais, Peças Infernais ou Crônicas de Bane, você terá a resposta durante a leitura.

Eu peguei o livro emprestado do Lucas (filho de Atena) para poder ler (precisava muito ler), a leitura foi bem rápida, li em dois dias e isso deu um total de 4 horas lendo. Foi bem legal ler, porque explica tudo sobre esse universo e também porque no decorrer da páginas eu encontrei vários trechos escritos com opiniões e conversas entre Clare, Jace e Simon (o que indica que quando o Simon escreveu no códex ainda foi entre o livro Cidade das Almas Perdidas e Cidade do Fogo Celestial) e também há por toda parte desenhos da Clare, fora uma página só do Magnus falando do motivo que as pessoas se tornam caçadores de sombras e duas as duas referências à Harry Potter que eu encontrei.


"16. Um homem grande e barbudo apareceu em uma moto voadora para levá-lo à escola de Caçadores de Sombras (observações: a presença de uma moto voadora sugere que o barbudo seja um vampiro)." (Magnus Bane, entre as páginas 6 e 7)

"Todos os caçadores de sombras carregam uma pedra enfeitiçada para lembrá-los de que a luz pode ser encontrada mesmo nas sombras mais escuras, e também para terem acesso à luz quando estão no escuro, literalmente." (p.37)



Nenhum comentário:

Postar um comentário